Dicas, No Consultório

Exames de “Check-Up” podem ser prejudiciais à saúde?!

Muitas vezes pacientes vêm ao consultório de clínica médica para exames de check-up (de rotina ou preventivos, etc). Alguns chegam até com uma lista de exames pronta ou até “quero fazer todos que tenho direito”.

ogfb4b0

Designed by Freepik.com

Resolvi escrever este texto por 2 motivos:

1º: exames laboratoriais ou de imagem normais não são garantia de saúde!

2º: somente na consulta serão determinados os exames recomendados para a sua situação e idade (farei um post mais tarde sobre este ponto).

O primeiro motivo pode parecer bem polêmico… “Então não adianta fazer os exames?” Não! Os exames de rotina devem ser feitos de acordo com a idade e fatores de risco do paciente! Vou tentar explicar melhor:

Mais do que qualquer resultado de exame, o que vai estabelecer de forma mais acurada os seus fatores de risco e cuidados que deve tomar é a consulta e o exame físico: circunferência abdominal, peso, Índice de Massa Corporal, se fuma ou bebe, se faz uso de alguma droga e a história familiar.

Ou seja, não é porque seu colesterol e triglicérides vieram normais que você está livre de doenças associadas à obesidade e que não precisa realizar atividades físicas. Os exames normais não podem ser vistos como atestado de que está tudo certo e que a pessoa pode manter uma dieta livremente e o peso excessivo. A obesidade em si já é fator de risco para problemas cardiovasculares, diabetes, e até mesmo alguns tipos de câncer.

Pense em alguém que fuma há muitos anos e recebe uma Radiografia de Tórax com laudo de normalidade… essa pessoa muitas vezes pode achar que não tem problema e que pode continuar fumando! O RX de tórax é um exame muito simples para detectar alterações como enfisema, bronquite crônica (DPOC – doenças pulmonares obstrutivas crônicas), ou pequenos tumores.

Estes são apenas alguns exemplos. Uma boa avaliação para promoção de saúde é essencial para detectar esses fatores de risco (e ajudar o paciente a mudá-los!): detectar dietas inadequadas, falta de atividade física, nível de estresse, hábitos como fumar e beber, história familiar de algumas doenças, etc.

A saúde é a vida no silêncio dos órgãos. Esta frase famosa do cirurgião francês René Leriche indicava como a doença é, em última instância, o que faz o corpo falar.” (1) Não vamos esperar o corpo gritar (ou os exames se alterarem) para mudarmos de estilo de vida e buscarmos um bom equilíbrio na dieta e em nossos hábitos.

Anúncios

2 comentários em “Exames de “Check-Up” podem ser prejudiciais à saúde?!”

  1. Concordo que devemos ter uma certa coerência entre check-up e sentir algo ao procurar um medico para efetuar a consulta, mas o check-up periódico, digo anual como eu faço, é muito importante também para verificar os níveis dos hormônios e está atento com possíveis doenças silenciosas como por exemplo o câncer claro que este é para aqueles que ha na família histórico. Um abraço.

    Curtir

    1. Com certeza, Alex. No caso você já tem todo um cuidado com a sua saúde, o que preocupa são pacientes que não têm bons hábitos de vida acharem que não precisam de atividades físicas por que não estão com colesterol aumentado. Obrigada pelos comentários! Se tiver alguma dúvida ou ideia de post, aceito sugestões!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s